Igreja Batista da Concordia
MISSÕES
Malawi - Intercessão Missionária da Semana

 Malawi                

 

O Malawi, oficialmente República do Malawi, Malavi, Malávi, Malaui ou Maláui ou ainda Malauí, é um país da África Oriental, limitado a norte e a leste pela Tanzânia, a leste, sul e oeste por Moçambique e a oeste pela Zâmbia.

 

CapitalLilongwe

MoedaKwacha do Maláui

PresidenteJoyce Banda

População15,91 milhões (2012) 

Língua oficialLíngua inglesa e Chichew (A língua nianja ou cinianja é uma das línguas faladas na província do Niassa, na parte norte da província de Tete e ocidente das províncias de Nampula e Zambézia no norte de Moçambique. Esta língua pertence à família das línguas bantas. O nome desta língua, tal como a palavra Niassa, deriva de "água", ou seja, pode traduzir-se o seu nome como "Língua do Lago"; total de falantes: 9.3 milhões.).

EDUCAÇÃO:

Íngreme subida matrículas do ensino fundamental têm superlotado escolas primárias do Malawi , com a relação aluno-professor surpreendente de 184 a 1 em primeiro grau . Ao mesmo tempo , os professores têm formação insuficiente e apoio, e da qualidade da educação tem sofrido como resultado. Um quarto dos alunos desistem após o primeiro ano da escola; para aqueles que permanecem , no momento em que chegar a sexta série , mais de 70 por cento não sabem ler e compreender em seu grau. O baixo número de meninas que completam o ensino primário continua a ser a barreira mais forte para melhorar ainda mais a sua saúde.

 

 

 

AGRICULTURA E SEGURANÇA ALIMENTAR:

Alimentar o Futuro no Malawi ajuda os pequenos agricultores a aumentar a produtividade e os rendimentos . Secas recorrentes afligem o setor agrícola do Malauí , ameaçando a subsistência de pequenos agricultores do Malawi , que constituem 80 por cento da população do Malawi. Trinta e oito por cento dos malawianos vivem abaixo da linha da pobreza, e 47 por cento das crianças são raquíticas .

Para enfrentar a insegurança alimentar e estimular o crescimento liderado pela agricultura, o governo do Malawi tem desenvolvido um Plano de Política Nacional de Nutrição e Estratégico, intimamente ligada à sua abrangente Programa de Desenvolvimento Agrícola de África (CAADP ) planejar, e a Abordagem Agricultura Sector -Wide, que, juntos, coordenam programação da segurança alimentar a nível nacional e comunitário. Nos últimos anos, Malawi cumpriu os seus objetivos do CAADP para dotações orçamentais para a agricultura e as taxas de crescimento do setor agrícola , comprometendo , pelo menos, 10 por cento do seu orçamento para a agricultura e superior à taxa anual de crescimento do setor de agricultura , de 6 por cento.

RESPOSTA À CRISE:

Em outubro de 2012, as condições de seca localizadas , diminuição da produção agrícola , e os preços elevados dos alimentos resultou em insegurança alimentar no sul do Malawi. Em setembro, o financiado pela USAID Aviso Prévio contra Fome Systems Network ( FEWS NET ) estimou que cerca de 1,76 milhão malawianos em 15 distritos do sul provavelmente exigiria assistência humanitária durante o período de escassez , abrangendo a partir de novembro de 2012 a março de 2013. Devido a colheitas fracassadas , o maioria das famílias no sul do Malawi tinha esgotado os estoques de alimentos domésticos até julho de 2012, forçando muitos a comprar alimentos nos mercados locais a preços acima da média , de acordo com FEWS NET . Em resposta , o Governo do Malawi cometido 25.000 toneladas de grãos a partir de seus estoques de reserva para distribuição às populações vulneráveis ??e começou a coordenar com as agências da ONU para desenvolver uma resposta assistência alimentar apropriada.

 

 

 

RELIGIÃO

O cristianismo é uma das religiões mais importantes do Malawi. É a religião da maioria do povo do Malawi. A maioria dos cristãos no Malawi são protestantes e um menor número pertence à seita católica.

Embora o cristianismo constitui uma parte importante da religião Malawi não é totalmente influenciada pela prática ocidental da religião. Muitas pessoas de Malawi praticar o cristianismo , juntamente com os rituais tradicionais de África.

Embora os homens do Malauí se dizem cristãos , a poligamia é amplamente praticada por eles. Estes homens são totalmente diferentes das do povo cristão anglo-saxões. Foi visto que muitas pessoas cristãs Malawi procurar o conselho de curadores convencionais e ainda por cima , eles até mesmo participar em várias atividades religiosas de Gule Wamkulu .

A outra religião mais significativa Malawi é o Islã . Uma vez que há um número de pessoas muçulmanas no país , o islamismo é praticado extensivamente. As pessoas que vivem nas margens do lago sul do Malawi estão mais familiarizados com o Islã. Mesquitas são encontrados nas aldeias de Balaka , Machinga e Mangochi . Muitas escolas no Malawi ensina a língua árabe e Kiswahili para que as crianças possam ler Alcorão e retomar este assunto para estudos posteriores. Disputa entre os malawianos muçulmanos e cristãos malawianos é incomum. Os malawianos coloca mais ênfase na adoração de divindades e não são de todo incomodado com a forma que a devoção leva .

CURIOSIDADES SOBRE O MALAWI:

  1. Receptividade é a palavra chave dos malawianos. São sempre muito amigáveis.
  2. Pessoa branca em Malawe é chamado de “Mzungu”.
  3. A direção nos automóveis é lado direito, contrário ao do Brasil.
  4. Sabe aquela máxima “Pedestre tem sempre razão”? Então, a máxima é “Qualquer veículo com rodas tem sempre razão”, então o melhor é sair de perto.
  5. Buzina é um artigo indispensável , é como o ar que respiramos.
  6. O principal meio de transporte público é chamdo de “minibus”. È uma van ou qualquer carro parecido com isso, que transporta qualquer tipo de coisa: pessoas, porco, galinha, saco de milho, etc.
  7. O “minibus” só deixa o local de origem quando está completamente lotado, lotado MESMO! Com pessoas até quase no teto, sem espaço para um formiga. Então, nada de se programar.
  8. A maioria das comunidade e vilas não possuem eletricidade e muito menos água encanada.
  9. Sabe o “arroz e feijão” para os brasileiros? Então,  a principal comida é chamada “Nsima”, que não é nada mais que farinha de milho fervida na água até virar uma massa grossa. Detalhe: come-se com a mão”.

 

Amados diante das informações orem por esta nação, sua oração com certeza irá contribuir para um renovo em Malawi.

 

IGREJA BATISTA DA CONCÓRDIA

JESUS É A NOSSA PAZ!

 

 

 

 



2 Comentários

  • http://michaelkorsoutlet.nkcaa.com/ diz:
    06.11.2014 03:39
    http://michaelkorsoutlet.nkcaa.com/ Comentário em análise!
  • http://www.gleisontibau.com/ diz:
    02.11.2014 06:54
    http://www.gleisontibau.com/ Comentário em análise!
Deixe seu comentário A IGREJA BATISTA DA CONCÓRDIA reserva-se o direito de não publicar comentários ofensivos, palavras indecorosas, links, propagandas e todo o conteúdo que venha a violar a política do site. O seu endereço de e-mail não será publicado.







Igreja Batista da Concórdia
Rua Tamboril, 515 | Concórdia
31110-640 | Belo Horizonte | MG
(31) 3442-3081 | contato@ibconcordia.org